Notícias

10 julho, 2021

Augusto Vasconcelos pede ao Secretário melhorias na Saúde em Cajazeiras

O Ouvidor-Geral da Câmara, o vereador Augusto Vasconcelos, a presidente do Conselho Distrital de Saúde em Cajazeiras, Raquel Miranda e os conselheiros Fátima Santos, Neusa Borges e Roque Gonçalves, tiveram reunião com o secretário municipal de saúde, Léo Prates. Na pauta, trataram sobre o atendimento à saúde na região que é uma das mais populosas da cidade. Em especial, foram abordadas as dificuldades no atendimento de emergência que ficou comprometido com o fechamento da emergência com demanda aberta do hospital Eládio Lasserre, que está atendendo apenas por regulação. Para agravar a situação o Hospital Municipal também não está atendendo, o que sobrecarrega o Pronto Atendimento em Cajazeiras VIII.
O secretário apresentou os projetos que estão destinados para Cajazeiras e fez um balanço da atuação da prefeitura na localidade. Durante o encontro e após ouvir os relatos dos representantes da comunidade, o secretário determinou que a equipe técnica buscasse medidas para melhorar o atendimento à saúde em Cajazeiras. Foi um encontro muito produtivo onde se abordou os números de atendimentos e dados relacionados ao funcionamento das Unidades de Saúde. O secretário informou que já fez uma solicitação ao Governo do Estado para que houvesse a cessão de um terreno nas imediações do hospital Couto Maia, visando a construção de uma nova unidade de saúde e também abordou as dificuldades do planejamento, em relação ao atendimento, mas afirmou, no entanto, que o bairro já tem 77% de cobertura da atenção básica. “A construção dessa unidade básica de saúde, com funcionamento de 24h, daria suporte à emergência de Cajazeiras 8 que hoje se torna a única disponível para todo o bairro. O prazo de construção seria de 18 meses, mas não existe ainda uma data para o início das obras porque o terreno ainda não está em poder da prefeitura”, disse Raquel Miranda. “Sabemos que o volume de trabalho em relação à saúde é muito grande, sobretudo no período da pandemia, mas certamente encontros como esse aproximam o poder público da sociedade”, disse Augusto.

FALE COMIGO
Mande sua ideia e ajude a contruir uma cidade mais justa.
Faça parte dos nossos grupos: