Notícias

8 fevereiro, 2022

Augusto Vasconcelos participa de protesto nacional em defesa dos protocolos sanitários da Caixa

Na manhã desta quinta-feira (03/02) o vereador Augusto Vasconcelos (PCdoB), Presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, participou do protesto ‘Dia Nacional de Luta na Caixa’. A manifestação teve a finalidade de cobrar da direção da Caixa Econômica Federal responsabilidade com a vida e a saúde dos bancários, vigilantes, prestadores de serviço e clientes. Em Salvador, o ato aconteceu em frente a agência Armação, sede da Superintendência de Rede.

Com protestos por todo país, os trabalhadores da Caixa foram às ruas para denunciar o desrespeito do banco. Além de desconsiderar os protocolos de segurança sanitária e prevenção contra a COVID-19, o banco tem cobrado metas desumanas no período pandêmico e sobrecarregado os profissionais que estão trabalhando com quadro de equipe reduzida, devido aos afastamentos médicos.

“Alguns bancos privados estão com protocolos sanitários bem melhores que a Caixa. Coincidentemente, no banco do Brasil e no banco do Nordeste a situação é a mesma, o que nos faz crer que trata-se de uma política negacionista do Governo que chegou na direção dessas empresas. Nós não vamos nos calar”, afirmou Augusto.

Mesmo com um alto número de infectados pela COVID-19 e a cepa H3N2 (Darwin) da influenza nas agências, a Caixa continua irredutível e decidiu não fechar os bancos para sanitização e higienização dos ambientes, ainda que um trabalhador tenha testado positivo para a doença. Durante o ato, Augusto informou que, junto ao Sindicato dos Bancários da Bahia e o Sindicato dos Vigilantes do Estado da Bahia (SINDVIGILANTES), denunciaram ao Ministério Público do Trabalho (MPT) o descaso do banco com a vida dos funcionários e, caso não exista melhoria nos protocolos de segurança, novos protestos serão realizados.

FALE COMIGO
Mande sua ideia e ajude a contruir uma cidade mais justa.
Faça parte dos nossos grupos: