Notícias

20 janeiro, 2022

Augusto Vasconcelos denuncia Santander por exploração aos funcionários

Apesar do alto índice do surto, causado pela COVID-19 e a gripe nas agências Santander, o banco decidiu abrir as agências também aos finais de semana, obrigando os trabalhadores a comparecerem às unidades e os submetendo a exercer suas funções sem ao menos receberem o pagamento do adicional de hora extra. O vereador Augusto Vasconcelos (PCdoB), que também é Presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, tem denunciado a decisão do banco que implica diretamente na vida e saúde dos trabalhadores.

Como Presidente da Comissão do Trabalho, Emprego e Renda da Câmara de Salvador, Augusto denunciou a postura adotada pelo banco e anunciou que o Sindicato dos Bancários está tomando medidas para impedir mais esse ataque aos direitos dos trabalhadores, destacando também que a decisão foi tomada sem nenhum tipo de diálogo ou negociação com os representantes sindicais.

_“A medida unilateral tomada pelo banco espanhol revela a face cruel de uma empresa super lucrativa, mas que tem ampliado a exploração dos seus funcionários. Doenças como síndrome do pânico, depressão, síndrome de burnout fazem parte do cotidiano dos bancários que trabalham no Santander_, disse ele.

FALE COMIGO
Mande sua ideia e ajude a contruir uma cidade mais justa.
Faça parte dos nossos grupos: