Notícias

20 maio, 2022

Augusto Vasconcelos denuncia descumprimento de decisões judiciais pelo Santander

O vereador e presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Augusto Vasconcelos (PCdoB), denunciou o banco Santander por descumprir as ordens da justiça brasileira. O banco tem desrespeitado diversas decisões judiciais não reintegrando os trabalhadores, desligados injustamente, mesmo após liminar deferida. Além disso, não tem efetuado o pagamento da multa pelo descumprimento das decisões.

Com uma trajetória política pautada em defesa dos trabalhadores, Augusto ouviu as inúmeras denúncias dos bancários que afirmam que o banco espanhol submete esses profissionais a condições desumanas. O desrespeito à decisão judicial, mesmo com liminar deferida, é mais um exemplo do posicionamento exploratório do Santander. Segundo o sindicato, atualmente, pelo menos cerca de 13 funcionários estão nessa condição. Alguns casos, inclusive, já completaram um ano, mas seguem sendo ignorados.

“Existe uma colega com liminar desde julho de 2021 e o Santander não cumpre as decisões judiciais, fazendo, inclusive, que mesmo uma profissional gestante continue sem acesso ao plano de saúde. As famílias desses profissionais estão passando por muita dificuldade. O sindicato dos bancários seguirá tomando todas as medidas necessárias”, contou Augusto.

Com inúmeros ataques aos bancários, os profissionais têm perdido seus direitos constantemente. Muitos trabalhadores mesmo em tratamento médico, psicológico, e necessitando de diversos medicamentos, seguem sem assistência médica. Augusto garantiu que irá atuar também no âmbito institucional, e já se posicionou na Câmara Municipal de Salvador (CMS), exigindo que os bancos assegurem os direitos dos bancários.

FALE COMIGO
Mande sua ideia e ajude a contruir uma cidade mais justa.
Faça parte dos nossos grupos: